O segredo através do Símbolo Oculto

 MATÉRIA  25/06   quinta-FEIRA  - MATÉRIA 015 / DE: francine santos

O terceiro livro da saga Algoritmos Sagrados possui o título de Símbolo Oculto. Claro que não vou liberar um spoiler, não pretendo ir tão fundo a ponto de explicar o título do livro – isso é uma surpresa. Mas posso adiantar que está ligado ao símbolo feminino.

Dawn Brown já falou muito sobre o símbolo feminino em seu livro O Código da Vinci, mas Marcelo Pontes mostra um lado completamente diferente sobre o assunto, com detalhamento histórico que antecede a Jesus Cristo.
  
O símbolo feminino não é nenhum mistério, talvez assim como o título do livro, apenas oculto. Na Bíblia ele aparece como duas mulheres, uma pura e outra embriagada. Essa mesma formulação também é encontrada em outras culturas.
Vamos despir essa simbologia para você; talvez parte dela possa ser compreendida no decorrer dessa matéria.

Você já ouviu falar sobre o símbolo feminino? Talvez não, mas com certeza deve conhecer a estátua da liberdade.
A Estátua da Liberdade foi um presente do povo francês ao povo norte-americano, para comemorar o centenário da Declaração de Independência dos Estados Unidos. Há um simbolismo controverso na famosa estátua de Nova Iorque, principalmente poque foi construída por maçons:

Placa próxima a estátua:
“Neste local em 5 de agosto de 1884, a pedra angular da Estátua da Liberdade Iluminando o Mundo foi colocada com uma cerimônia de William A. Brotte, William A. Brodie, Grande Mestre Macon do Estado de Nova Iorque. Membros da loja maçônica, representantes do Governo dos EUA e da Franca, oficiais do exército e da marinha, membros de Legações Estrangeiras e cidadãos ilustres estiveram presentes. Esta placa é dedicado aos maçons de Nova York, em comemoração do 100 º aniversário daquele acontecimento histórico.”

O fogo da tocha erguida pela mão direita da majestosa dama representa o caminho para a liberdade. Em sua coroa existem 25 janelas - as jóias encontradas naquelas terras. Os 7 raios que saem da aureola representam os sete continentes e os sete mares do mundo. Em sua mão esquerda segura uma tábua, na qual está escrita: 4 de Julho de 1776, em algarismos romanos.

Muito bem, agora vamos nos aprofundar utilizando uma segunda estátua que deveria ser tão famosa quanto à primeira.
           
Estando em cima da cúpula do Capitólio está a enigmática estátua da Liberdade em pé sobre uma forma esférica, o que representa a Terra. Contornando o mundo a faixa eclíptica  possui o ditado “E Pluribus Unum (Fora de Muitos, Um)”

A divindade acima do capitólio é uma figura feminina alegórica cuja mão direita segura o punho de uma espada embainhada, enquanto uma coroa de louros da vitória e o Escudo dos Estados Unidos estão entrelaçados em sua mão esquerda. O escudo heráldico é o mesmo que tem no Grande Selo dos Estados Unidos, com treze listras, exceto que o principal tem estrelas (mais uma vez, treze). Seus adereços são garantidos por um broche com a inscrição “E.U.A” e está parcialmente coberto por uma túnica pesada, com franjas e um cobertor jogado sobre o ombro esquerdo. Ela simbolicamente enfrenta o leste em direção à entrada principal do edifício, o que significa que aliás, que nunca o sol se põe sobre a Liberdade.
  
Agora fica a dúvida, qual a identidade dessa deusa de pé, no topo do edifício mais importante da América? Ela certamente não é a Virgem Maria - você ficaria surpreso com o número de pessoas que pensam isso. A verdade é que o bairro leva seu nome, DC = Distrito de Colúmbia. Ela é a deusa alegórica da América, a figura mitológica tipicamente americana, a Columbia.

Nunca ouviu falar dela? Acho que sim:

É claro que existe rumores, especulações diversas sobre a dama da Columbia Pictures, mas olhando para a imagem, não há como ter dúvida sobre a identidade simbólica desta imagem que se tornou um dos maiores ícones entre os cinéfilos de todo mundo. A Columbia é de fato a personificação feminina que protege os Estados Unidos da América.



Na pintura de título "American Progress" de John Gast temos uma referência à modernização, à ideia de progresso e melhoria nas áreas de tecnologia, política, economia e ciências. A peça de marketing muito influente, exibe no céu uma figura mítica como um espirito errante, uma anjo celestial (feminino) que ajuda no progresso da América. Essa figura é a famosa Columbia, a deusa que aderiu forma para se tornar um símbolo americano. A imagem está em boa resolução, recomendo que amplie esta imagem clicando sobre ela.

A Columbia Brasileira

De forma curiosa o Brasil também teve sua divindade, uma figura puramente alegórica. Na imagem ao lado temos a "República", um quadro de Manuel Lopes Rodrigues pertencente ao acervo do Museu de Arte da Bahia.


Não se pode negar a semelhança com a divindade Columbia - os mesmos símbolos presentes - , porém o fato é que tanto a república americana como a brasileira receberam forte influências de maçons, o que explicaria essa ligação, e não como alguns poucos dizem, um plágio do nosso país. 


O alegorismo para alguns remetem a frança, onde a personificação feminina foi escolhida como o símbolo da revolução e posteriormente influencio vários países a usurem a figura feminina. Entretanto, a própria revolução não criou essa forma e sim, usurpou das culturas mais antigas da Terra.  


Mas qual o verdadeiro significado? Talvez na imagem seguinte podemos esclarecer melhor.

Assim como Columbia essa figura tinha a ideia de um espectro, um espírito errante como mostra a charge da proclamação da República de José do Patrocínio. É claro que tudo isso não se trata de uma consciência, mas de um simbolismo presente através do símbolo feminino, um símbolo oculto.

Porém sendo ou não uma cópia, o simbolismo é o mesmo, uma forma de espírito protetor. Essa mesma referencia pode ser vista entre os cristãos, a mulher de branco, representando a igreja de Cristo, com os mesmos fins protetores da verdade e liberdade.


Se desejar saber mais, comece a ler a saga Algoritmos Sagrados.


Francine Santos

Reações:

0 comentários:

Recent Posts Widget

Trailers


   
+Videos

Escolha o seu volume



Almas Seladas 
Vol 1
Marcelo L. Pontes


Máscaras Reveladas 
Vol 2
Marcelo L. Pontes
 





Símbolo Oculto 
Vol 3
Marcelo L. Pontes

 
O segredo através do Símbolo Oculto - Algoritmos Sagrados